por Maris Stella

coracao-partido-1278687211152_615x300Tempos atrás o poeta Cazuza cantava as desditas do desencanto pelas ideologias: “O meu partido é um coração partido, minhas ilusões estão todas perdidas”. Quem nunca experimentou em si a dor de perder a esperança, não conseguirá apreender em si mesmo o real sentido aplicado pela poesia.  Penso mesmo que essa é a pior de todas as perdas.

Uma forte decepção decorrente de uma perda de confiança, por morte de um ente amado, por separação, etc. se evidencia tanto por um surto repentino com relativa reabilitação do indivíduo, quanto com um conjunto de sintomas a exigir maiores cuidados e atenção, a que os cardiologistas identificam como: “Síndrome do coração partido“.

Os sintomas são físicos, porém as origens são emocionais. Cada vez mais a ciência médica reconhece a relação direta mente/corpo que existe no surgimento de diversos tipos de doenças. Segundo o Psicologia Brasil: “Devido a isso, novas ciências como a psiconeuroimunologia e a psico-oncologia foram sendo desenvolvidas, de modo a possibilitarem a compreensão das relações entre as características psicológicas dos indivíduos e suas doenças orgânicas.”

E nesse contexto, a quem atravessa esse período difícil em sua vida, não se entregue ao desespero, comprometa-se com sua autocura e procure ajuda. As terapias complementares atuam como importante recurso para alívio dos desconfortos, distúrbios e sintomas.

Quer saber mais e como posso te ajudar nesse momento?

Entre em contato e marque um horário:

marestelares@gmail.com

Maris Stella Schiavo Novaes s-logo-solid

77 99160 5207 whatsapp

 

Anúncios